Ciclic

Mude a sua vida financeira aprendendo a fazer economia pessoal!

Parece difícil chegar no fim do mês e ter dinheiro de sobra, mas, a partir de agora, você nunca mais vai sofrer para conseguir planejar a sua vida financeira

Economia pessoal nada mais é do que um termo que define todos os custos que envolvem a sua vida e a da sua família. Com isso, há maneiras de administrar o seu dinheiro de modo que consiga viver bem e fazer alguns investimentos e economias.

A partir da elaboração de um orçamento mensal de tudo que você possui de gasto fixo, como aluguel e luz, você pode pontuar o que gasta no dia a dia e planejar os próximos investimentos, sem que no final do mês fique sem dinheiro.

Uma dica muito bacana é fazer uma tabela ou planilha. Separe as despesas mensais e o que fica fora desse orçamento, como situações de emergências. Com tudo esmiuçado, vai ser mais fácil ver quanto será possível economizar por mês.

Com o tempo, torna-se um hábito anotar os seus gastos. A importância da economia pessoal é justamente evitar que as suas finanças se tornem um problema enorme.

Veja também onde é possível cortar gastos desnecessários. Este é um passo muito importante! Não adianta anotar tudo e se planejar, se isso não sair do papel ou do computador e se aplicar na sua rotina.

Tarefa em família

É muito essencial que todos em casa façam parte do planejamento econômico, principalmente as crianças, faz toda a diferença entender a importância do dinheiro desde cedo e de como usar ele no seu cotidiano.

Uma tarefa que ajuda muito a economia pessoal é fazer as pesquisas de mercado em família. Além de ter uma noção sobre qualidade e diferenças entre os produtos, cria-se o costume de pensar em conjunto para decidir o que comprar e como investir.

Quando for comprar um móvel novo ou fazer as compras do mercado do mês, chame as crianças e pesquise juntos os valores e lojas. Assim, você garante uma boa compra que vale a pena e ao mesmo tempo começa a educar os seus filhos financeiramente.

Cartão de crédito é um vilão?

Muitas vezes o cartão de crédito pode facilitar a sua vida, porém, é necessário saber como usá-lo e, após isso, anotar em sua planilha de gastos o que foi comprado.

Para que você tenha um cenário, o percentual de famílias endividadas em agosto cresceu para 60,7%, de acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), sendo a segunda variação mais alta do ano de 2018.

A CNC indica que o cartão de crédito é o que mais causa a formulação da dívida, correspondendo a 76,8%. Ou seja, você precisa tomar cuidado para não transformar o seu cartão em um problema para as suas finanças pessoais.

Para que você não caia nessa roubada, evite parcelamentos longos e compre pelo cartão o que for realmente preciso e/ou quando o valor for muito alto. Nunca se esqueça de anotar! Você precisa planejar os seus gastos incluindo esse novo gasto fixo mensal.

A partir do momento que você organizar a sua vida financeira, fica mais fácil evitar compras parceladas, pois assim é possível economizar para comprar no dinheiro sem que cause um rombo no seu orçamento do mês.

Depois da economia, comece a investir

Se você aplicar essas dicas sobre investimento pessoal na sua vida, vai perceber que é possível ficar mais tempo com a família, viajar, ter dinheiro poupado e, o principal, sentir-se em segurança financeira.

Investir, certamente, será um passo além em seu processo economia pessoal. Encontrar uma empresa confiável que vai ajudar você com transparência e credibilidade é importante. Por isso, a Ciclic está a postos para auxiliar no processo de organização.

Funciona da seguinte maneira: você pode simular quanto quer guardar na previdência privada e por quanto tempo. No final do processo, poderá resgatar a quantia de maneira rápida.

Com esse auxilio, é possível planejar a educação dos seus filhos, a sua viagem dos sonhos ou criar aquela poupança que você sempre quis fazer, mas nunca deu certo. Na Ciclic, dá pra realizar aplicações mensais e esporádicas, de acordo com as suas condições e tempo.

Um bom exemplo é o de que se guardar o valor de uma pizza por mês, em um ano, você terá R$ 600 a mais no seu bolso, não é bacana?

Dica valiosa

Uma forma simples e segura de guardar dinheiro é com a previdência privada. Com o modelo da Ciclic, você paga imposto de renda somente sobre o quanto o seu dinheiro rendeu e não sobre o quanto guardou.

Além de que o I.R. só é cobrado quando decidir sacar o dinheiro. Então, vale a pena dar uma conferida e turbinar de vez a sua vida financeira. Com organização mensal dos gastos e com a gente ao seu lado, não tem como a sua economia pessoal dar errado!

Conta pra gente os primeiros passos para realizar a sua economia pessoal!